25 novembro 2011

Filme: Amanhecer

Não assistiu Amanhecer ou não leu os livros, então é melhor não ler o post :)



O post não é para falar do LIVRO, atenção! E sim do filme! A diferença é muito grande claro, dificilmente um livro será bem representado nas telinhas, então... Comentários do tipo “o livro é sempre melhor que o filme” serão ignorados ^^

O que posso dizer sobre Amanhecer? A cada filme a qualidade em geral esta melhorando, mas muita coisa fica a desejar dessa franquia – “saga”. 
Acho que em relação a personagem, Jacob (Taylor Lautner) é o que mais melhorou comparando com os outros dois personagens principais, Bella sempre a mesma cara e o Edward também sempre com o mesmo tom de voz. Opa, quer dizer Edward gritou com Bella, mas e foi só. Que droga! :(

Algumas cenas foram bizarras! 
Peludos: O que foi os lobos “conversando” por telepatia? #euri

Casamento: na hora que o pessoal faz o brinde, cada um com seu discurso em particular...  Ficou cômico, mas algo que foi proposital, acredito eu :p e gostei disso! Bem brega! hahaha

Falando em casamento, aquela loira que não conseguiu dar os parabéns ao casal... Oi? Quem nunca leu o livro não sabe o que de fato aconteceu, então se não iriam explicar o porquê da irritação da loira, acho que a cena foi um tempo perdido. U_U

Mas confesso uma coisa... Tive uma crise de riso no momento em que Bella comenta os nomes da criança. Quando falou Renesme, hahahahahahahahaha eu não consegui segurar! Eu ri alto e levei mais 3 pessoas a gargalhada! É sério, que constrangedor! Eu queria rir mais e mais e mais...  Tentei pensar em outra coisa para diminuir aquela vontade incontrolável de sair rolando pelo chão gargalhando... Não deu muito certo... Sofri por 5 minutos tentando disfarçar minhas gargalhadas internas, acho que soltei uns gritinhos. O pior é que não sabia se ao estar encostada na poltrona e RINDO se as pessoas da mesma fileira sentiam toda aquela vibração. Aí que vergonha!

Sobre a gravidez, acho que tá aí um aviso para as menininhas... ABORTO NÃO! Ok!
E quando a pequena nasce e o Jacob tem o imprinting com a menina semi-vampiro? Oi? Não ficou claro que isso é um amor doentio (casal, beijo e tal) que a pessoa tem por outra, é isso e nada mais. 

No fim, eu fiquei sabendo que teria uma cena a mais depois dos créditos e não é que teve? Mas nada surpreendente. Agora é aguardar mais um ano para conferir a parte final! Ulálá!

Mas, apesar de todos os comentários acima eu gostei do filme. A história é boba? É sim, mas só porque tem vampiros... O que fascina é a história “impossível” de amor e que quando se gosta de alguém, digo, quando se ama alguém e quer ficar junto com essa pessoa para sempre, não importa o que aconteça... Juntos sempre vão conseguir vencer qualquer obstáculo. Suspiros.
Postado por Duda - @cha_para_dois às 12:12

5 comentários:

Jaque ઇ‍ઉ disse...

Amigaa, vou ler só depois que ver o filme tá?!
Mas estou curiosa hahaha

Eu não li nenhum livro e como te falei preciso assistir (e rever) os filmes anteriores. Confesso que não sou muito fã (nem se compara ao meu fascínio por HP :p) mas minha irmã queria que eu fosse com ela aí apareceu essa oportunidade e eu vou. Depois conto o que achei :D

Beijoo!

Bruna disse...

Eu li todos os livros da saga Crepusculo. Confesso que esperava um final diferente, fiquei meio decepcionada quando cheguei no último livro, esperava bem mais :((
O filme eu ainda não assisti, pretendo ver. Mas é sem comparação o livro com o filme, o livro sempre é melhor. rs

Conheci seu blog hoje, adorei.
beijo

Izabelle Costa disse...

Entendi sua crise de risos. A conversa entre os bolos foi,no mínimo, interessante. Sou suspeita para falar do casal já que a censura dificulta o entendimento da dinâmica entre eles. E essa Bella é morna. No livro ela tem taquicardia, perde o ar, morre de desejo pelo Edward...Mas eu aqui, ultra romântica, amei tudo. Já fiz alguns posts sobre a saga lá no blog mas ainda estou devendo um sobre o filme.

Jaque ઇ‍ઉ disse...

Amiga, assisti e amei! Apesar de não ter visto os 2 anteriores (não deu tempo) eu não fiquei tão perdida. Mas é verdade, a cena da loira ficou sem explicação mas achei que aparecia nos outros filmes... Como eu não li o livro achei o filme bom!

Sem falar na lua de mel. Aaah que sonho! Foi a parte que mais gostei no filme :D Aquele lugar lindo, os dois, o clima de romance. Eu posso querer uma lua de mel lá também? hahahahaha É apaixonante. Sai suspirando do cinema. E superou HP... Não queria que acabasse assim! Fiquei muiito curiosa pra ver a segunda parte. Mas vamos esperar né?!

E sobre o nome... Aah tadinha da menina! AH, e sobre o casamento eu me derreti quando ele fala dela... Ah eu sou uma manteiga mesmo, confesso! Mas achei muito fofo. E sim, concordo com você que a história pode ser boba, mas o que vale é a mensagem, tanto do amor quanto em relação ao aborto.
Só achei meio sem noção as duas últimas músicas que tocaram, mas não fez diferença rs

Beijos!

Bruna disse...

Nem me dei ao trabalho de ver o filme, já não gosto de filmes, quando é filme adaptado de livro é ainda pior, e se nem o livro é bom, então imagina que maravilha ficaria o filme -.-

Postar um comentário