13 janeiro 2012

Rir dos outros

Leia o título e responda: Rir dos outros é bonito ou feio?
A resposta FEIO é sensata e educada, porém, rir em um momento crítico pode aliviar a tensão do acontecimento e você e o coitado (se for seu conhecido) podem encarar tudo numa boa e a história pode ficar pra sempre na memória ou no You Tube. Certo? 

Claro que os padrões sociais dizem para não rir, quando alguém cair na rua, bater a cara no poste ou quando você estiver em uma esquina esperando para atravessar a rua e do nada estaciona um caminhão de lixo (a noite) e dois rapazes pulam e gritam, e a pessoa que esta do seu lado se assusta e dá um pulo mega esquisito... E você só falta sair pelo chão rolando de tanto rir (fato verídico recente!) e demais situações assim, você deve ter compaixão e a etiqueta ainda manda prestar ajuda ou fazer de conta que nada aconteceu. Muito bem!

Acontece que quando estou um pouco desanimada, cansada... Eu dou uma olhadinha nos meus vídeos favoritos e é claro que eles são de situações que comentei acima. Pode ser um pouco estranho da minha parte? Pode ser, mas pelo menos pra mim funciona, dou risada e consequentemente fico animada ^^ Abaixo dois exemplos


Quando era criança eu já bati com a cara no poste (na verdade, no apoio da placa de trânsito) e também ao escorregar do tobogã levei aquele pacote ao chegar no destino final, então eu posso rir! xD


No vídeo acima na parte de 1 minuto e 15 segundos, a moça morena ilustra BEM minha reação em situações de susto. u_u adoraria ser uma pessoa mais discreta, eu confesso! :)

E você se diverte com a desgraça alheia? O que você faz quando está um pouco desanimado? E a pergunta que não quer calar, você sofreu muitas cacetadas? E ao se assustar você faz parte do grupo dos quietinhos ou do grupo mega escandaloso? Compartilhe suas lembranças da infância ou fatos mais recentes vamos rir juntos!! :p
Postado por Duda - @cha_para_dois às 11:52

7 comentários:

carol disse...

Eu já dei de cara na cancela da guarita depois de uma descida na ladeira (porque estava numa bicicleta sem freio)... Então eu tb posso rir, né?! haha

Izabelle Costa disse...

Rir é bom demais!!!!!!!!!!!!
Já ri muitas vezes dos outros embora não combine, em nada, com a educação que tenho. Mas quando é conhecido e a pessoa está morta de sem graça, alivia a tensão, sim.
E o que dizer dos que convivem comigo? Vivo aos tropeços e tombos. Sou quase motivo de chacota. E, se não fossem as risadas acho que abriria um buraco no chão para me esconder, de tanta vergonha que fico quando acontece algo assim.

Jaque disse...

Hahaha
Ih amiga tenho tanto mico no meu caderninho :P
Já bati de cara no poste e em uma árvore, acredita? hahahahhaha Sem falar na vez que eu caí na rua (fato recente!)... E da vez em que eu parei na frente de um carro pra esperar e o maldito do motorista buzinou... E da vez que eu caí da cadeira no colégio... Xii já aprontei muito e sempre todos riam de mim. Mas eu não ligo porque é muito engraçado mesmo hahahaha Dou risada só de lembrar :P

E sou escandalosa, não consigo me conter quando levo um susto. Mas sempre que situações assim acontecem perto de mim eu dou uma fiscalizada antes e dependendo da reação da pessoa eu caio na gargalhada junto rs

Beijo!

Bruna disse...

Acho que sou a unica pessoa do mundo que não acha graça nesse tipo de desgraça alheia... veja bem, **nesse tipo**, mas abafa xD... Schadenfreude, nada mais humano.
Eu sou uma pessoa que fica muito sem reação quando leva susto, eu simplesmente fico lá com minha melhor cara de bosta

Vane Ferreira disse...

rsrs... Não gosto muito de rir da desgraça alheia, pois me vejo na situação da pessoa azarada e concluo que não gostaria que dessem risadas do meu azar! Mas eu já passei por algumas situações desconfortáveis, e sou do tipo deu pago uma boiada para não chamar a atenção!...rs
Aconteceu uma vez de eu sentar em um banquinho de plástico na casa de uma amiga, e o pé do banco estava quebrado, caí e fui pro chão sentada... minha amiga riu da minha cara, mas eu mesma não achei graça! E o pior de tudo é o trauma, agora sempre desconfio dos lugares que vou sentar. Outra situação, são bolas de futebol... rs Acho que tenho ímã, pois onde há um grupo de moleques jogando futebol, certeza que a bola vai me acertar! Passo longe...rsrs Já levei muitas boladas na cabeça, perna, costas por conta disso...rs Evito passar proximo a campinhos de futebol... ahahahah

Ana Elisa disse...

Vamos as respostas :D

Depende a desgraça, tem situações que são realmente engraçadas e é difícil não rir. Mas geralmente não acho muita graça em vídeo cassetadas. Outro dia o pessoal no trabalho compartilhou um link onde todos choravam de rir e eu me senti uma chata, não consegui achar graça de quase nada =|

Ai, eu vivo pagando mico. Geralmente eu acabo rindo de mim mesma, muitas vezes se o mico for na rua eu faço de conta que nem é comigo. Já caí, já dei de cara em porta de vidro, é cada uma... XD

Quando fico desanimada escuto músicas bem alegres, de preferência meus sambas e forrós favoritos :)
Vixi, dependendo do susto eu até paraliso, fico sem reação rs

Nathalia disse...

Dependendo do que aconteceu eu morro de rir mas se o tombo foi feio eu rio internamente! xD
Sou uma pessoa completamente desastrada então é fácil imaginar como eu me machuco né? Sempre rio de mim mesma!
Acho que a única vez que não ri de mim mesma foi quando estava chegando em casa com uma sombrinha na mão e abri sem querer, meu falecido cachorro tomou um susto pq ele era muito bobinho, aí a cabeçuda aqui achou graça na cara de espanto do bicho e abriu a sombrinha de novo... como eu fiz isso não sei mas perdi um pedaço do dedo abrindo o bagulho acredita? kkkkk
Como eu entro em estado de pânico com sangue eu desmaiei... hoje em dia tenho uma parte das digitais do dedão ao contrário kkkkk
Beijos Duda! :)

Postar um comentário