06 julho 2012

Desabafo #clubedacarta

Imagem Pinterest
Faz muito tempo desde a última vez que escrevi aqui sobre o Clube da Carta, tinha decido não postar mais sobre o assunto... Antes, escrevia aqui principalmente para eu organizar as relações de cartas recebidas e enviadas, pois anotar em papelzinho, para mim não dá certo. E já que faria isso no computador, por que não postar e assim as amigas que visitam o Chá para dois, saberiam quando as cartinhas delas chegaram e foram respondidas.
Mas nem todo mundo entende que esse tipo de post era pessoal e quando comecei a ser cobrada de qualquer coisa em relação ao clube, passei a desanimar com as postagens, sendo assim, parando de postar sobre o assunto.

Aos poucos, as amigas de cartas estão sabendo sobre minha atual realidade (tempo curto), e acredito que para muitas outras pessoa, a vida não deve estar tão diferente assim.
Duas semanas atrás eu consegui responder algumas cartas de fevereiro e algumas que recebi de aniversário (março), porém, falta fechar o envelope e escrever o endereço. Que desagradável, não?

Também nesse meio tempo, algumas pessoas enviaram cartas perguntando se eu recebi tal carta de tal época e com o rosto corado, respondi que “sim” para mim, pois ainda não deu para responder a segunda carta falando da primeira.

Também observei que uma pessoa disse “faz meses que não recebo uma carta sua”, dando a entender que me enviou no ano passado. Bom, como vou saber hoje se eu respondi a carta, se respondi, será que chegou? Se não respondi, é porque não tive tempo ou foi por esquecimento? Simplesmente deixei para lá por não ter tanta afinidade?
Será que sou só eu que estou passando por essa “fase”? Ou isso tem acontecido com os demais ou boa parte dos integrantes do clube?

Não sei se saio do clube para não correr o risco de receber “novas cartas”, mas se for isso, acho deselegante: “não recebe mais cartas = não quero fazer amigos”, mas não é esse o sentido, apesar de que podem interpretar assim.
Sair da lista, não tem como por causa da ordem dos participantes (muitas pessoas no twitter, por exemplo), mudaram o Nick para acrescentar o número da lista junto com o nome, já pensou que bagunça seria ter que cortar os “não participantes”?

Têm amigas do clube que eu conheço bem através da amizade via internet e assim conheço quem são, sei de gostos, o que estão passando, etc... Mas e aquelas pessoas que enviaram uma carta, respondi... daí a pessoa demorou um tempo para responder, a carta chegou, eu demorei mais um tempo e depois quando recebo a resposta, já não lembro do conteúdo da primeira... então, não quero responder só por responder, você entende? Logo, esse tipo de coisa precisa ter um pouquinho mais de dedicação até eu “conhecer” bem a pessoa.
Não estou feliz com essa situação real, não quero simplesmente abandonar tudo... É bom demais receber cartas e escrever também... Mas fico triste que nem todos compreendem isso.
Claro, não é a maioria... Tem muita gente que entende bem... Não me considero desorganizada, apenas mudei as minhas prioridades... Não vejo a hora de colocar tudo em dia e assim responder "normalmente." :)
O clube não é obrigação! Vejo o clube como um jardim, precisa sempre ser cultivado... Mas não sei direito o que faço sobre isso...
Ufa, desabafei.
Postado por Duda - @cha_para_dois às 08:30

6 comentários:

Endry disse...

Ai, flor, como tu disse o clube não é obrigação. Eu realmente escrevo e respondo quando tenho tempo, ou seja, quando não tenho trabalhos da faculdade por fazer (às vezes eu burlo, né, rs) ou alguma coisa do trabalho na escola mesmo... Não se martirize, flor, pois têm pessoas que não compreendem mesmo e outras que não são responsáveis também. Conheço-te bem e sei como te sentes, mas não desanimes, querida, pois tua presença é muito importante, tá?! ;)

Beijo grande :*

Giuliana Motyczka disse...

Pra essas horas eu sempre uso uma frase de um poema do Quintana: "Quando vira nó, deixou de ser laço." Porque tudo aquilo que é espontâneo é como o laço. E tudo aquilo que se torna uma obrigação, é um nó. Te prende, te aperta. E isso não é bom né? Infelizmente algumas pessoas não entendem, mas você tem que fazer por gostar, por querer, uma coisa espontânea, e não por uma obrigação! :D

Boa semana, Duda! E boa sorte com as cartinhas!

carol m disse...

Fica tranquila que isso acontece comigo também. E tem cartas que não chegam, eu acho. Nosso correio tem um pinguinho de culpa.
E a vida é sua, Duda. Quem define o que é prioridade no momento é vc. Não fica chateada com a cobrança dos outros. O importante é vc estar feliz!

Danielle Sibin - @danisibin disse...

Oiii
Aconteceu comigo também, estava meio desanimadinha com umas coisinhas pessoais que estavam acontecendo com isso dei uma parada nas cartinhas, mas consegui me animar um pouco e voltei a responder as cartinhas. Agora elas estão bem menos atrasadas, apesar de não ter escrito novas cartas pois quero colocar 100% das cartas em ordem e depois conhecer novas pessoas.
Penso como vc o Clube não é uma obrigação e sim uma diversão, e as vezes na nossa vida temos que mudar a ordem das prioridades em nossa vida e as vezes as cartinhas vão para o final na fila mas não ficarão esquecidas.
Bjks

Kelly Barros disse...

Que gracinha o seu blog, usamos o mesmo Template :D Adorei as cores que você escolheu, e a imagem do Header. Eu também me inscrevi no Clube da Carta, mas até hoje não enviei uma carta sequer [me mato de vergonha] mas meu grande problema é iniciar uma conversa com alguém que eu não conheço, que eu não tenho nenhuma intimidade, nenhum história em comum pra ficar lembrando. Cada um tem seus problemas, tenho certeza que vão entender o seu desabafo.

http://comchocolatequente.blogspot.com.br/

Nathalia disse...

Me sinto como vc Duda! Eu acabei saindo do clube mesmo, eu gostaria muito de voltar mas nem tempo pra mim mesma estou tendo... eu penso que o clube não é só enviar e responder, mas é se dedicar, conhecer pessoas, culturas e lugares através das palavras, não só ver as perguntas e ir escrevendo o que der na telha.
Uma pena não ter mais como participar do clube, fico com muita vergonha quando vejo que tem muitas cartas que não respondi (inclusive a sua), pois foram pura falta de oportunidade mesmo... A vida está corrida, mas fazer o quê né.
Saiba que ainda visito seu blog, mesmo às vezes não comentando... enfim, um beijo querida!

Postar um comentário